Portal de Homeopatia

 

 

Hepar sulphur: MATERIA MÉDICA PURA DE HAHNEMANN

 

98 Ha - APETITE POR COISAS PICANTES

Nisto pode se confundir com NUX-V Um dos medicamentos que mais se usa em pacientes HEP.

100 Ha –TEM QUE DESABOTOAR SUA ROUPA

121 Ha – ABCESSOS NOS LINFONODOS INGUINAIS.

170 Ha – EXPECTORAÇÃO SANGUINOLENTA, COM HUMOR IRRITADO E EXAUSTÃO.

180 Ha - ABCESSOS NOS LINFONODOS AXILARES

216 Ha – GRANDE CANSAÇO NOS PÉS, ESPECIALMENTE EM SUBIDAS.

218 Ha – UMA DOR NO PÉ QUE O FAZ GRITAR... QUE SÓ ALIVIA LEVANTANDO-O OU BATENDO NELE COM OS DEDOS, MAS NÃO POR MOVIMENTÁ-LO.

236 Ha - MESMO PEQUENAS FERIDAS E OS MENORES TRAUMAS NO CORPO SUPURAM, NÃO SARAM, TRANSFORMAM-SE EM ÚLCERAS (PELE DOENTIA, SUPURADA).

237 Ha – AS ÚLCERAS SANGRAM, BASTANDO QUE AS TOQUE SUAVEMENTE.

248 Ha - AS SOLAS DOS PÉS QUEIMAM.

Tenho visto pela clínica que é o adulto HEP um dos que mais se queixa de pés quentes.

249 Ha - AO ANOITECER NA CAMA ELE NÃO CONSEGUE DORMIR DEVIDO A UMA SENSAÇÃO DE CALOR.

Isto é muito importante porque a matéria médica clínica nos passa apenas a imagem de um friorento.

251 Ha – DEVIDO A UMA PEQUENA DOR, UMA SÍNCOPE GRAVE, SÚBITA.

253 Ha – AO ANOITECER ESTÁ TÃO CANSADO QUE SENTE SONO QUANDO SE SENTA.

254 Ha – TUDO PARECE MUITO PESADO PARA ELE.

Peso logo nos lembra responsabilidade, e faz com que o indivíduo possa a arruinar.

257 Ha - UM EXCESSO DE PENSAMENTOS NÃO LHE PERMITE DORMIR DEPOIS DA MEIA NOITE, DE 1 ÀS 3E HS. DA MADRUGADA

Esse sintoma é freqüente em Hep, é pena que não esteja modalizado. Que pensamentos são estes ? Veremos depois. Este horário é parecido com o da insônia de NUX-V.

259 Ha – ANTES DA MEIA NOITE ELE SAIU DA CAMA CHEIO DE ANSIEDADE, PEDINDO AJUDA, E SENTIU COMO SE NÃO PUDESSE RESPIRAR.

262 Ha – O LADO SOBRE O QUAL ELE ESTÁ DEITADO À NOITE SE TORNA INTOLERAVELMENTE DOLOROSO; TEM QUE SE VIRAR.

263 – SONHO CHEIO DE BRIGAS.

264 Ha - SONHA COM FOGO. SENSAÇÃO QUE ESTÁ TOMBANDO

"Tumbling" tem muito a ver com a dinâmica do medicamento, e deve ser pesquisada em todas as suas nuanças. Tombar tem a ver com ruína.

274 Ha - CALOR SECO NOTURNO NO CORPO, COM TRANSPIRAÇÃO SOMENTE NAS MÃOS E NÃO SUPORTA QUE SEJAM DESCOBERTAS.

Guardem isto, são as mãos e não os pés que não podem ser descobertos.

289 Ha - A MENOR COISA O FAZ ENTRAR NUM ESTADO DE PAIXÃO VIOLENTA E PODERIA TER MATADO ALGUÉM SEM HESITAÇÃO.

Este sintoma lembra muito a sensibilidade de NUX-V. Este é o sintoma responsável por todo o preconceito que se estabeleceu na Homeopatia contra HEP. Vejam que aqui há muita emoção envolvida e não sangue frio como foi posteriormente associado com HEP.

291 Ha - MUITO IRRITADO; TODA BOBAGEM O ABORRECE.

293 Ha - EXTREMAMENTE MAL-HUMORADO E CABEÇUDO.

296 Ha - AO ANOITECER, UMA ANSIEDADE ASSUSTADORA POR DUAS HORAS. ELE ACHA QUE VAI MESMO ARRUINAR E ESTAVA TÃO TRISTE QUE PODERIA TER SE SUICIDADO.

Quando percebe que poderia arruinar quer se matar. HEP vê a ruína à sua volta, casa em chamas, cadáver. Pela clínica temos observado uma preocupação exagerada com sua ruína financeira (como CALC-F), com a saúde da família, confirmando o que já está na matéria médica e no repertório. Ele sonha com fogo que simboliza purificação. Purificar o que? Pelo que tenho visto na prática, com o nome da família, a tradição da mesma. Ele faz isto evitando dívidas, mantendo seu crédito.

298 Ha - IMAGINOU UMA PESSOA MORTA QUE O ASSUSTOU. ELE VIU A CASA DO VIZINHO EM CHAMAS, ISTO O ATERRORIZOU.

Vejam que HEP se assusta com o fogo, com a ruína na casa do vizinho. Não é ele quem põe fogo, e mesmo assim ele ainda se assusta por isto. HEP não é um sanguinário, um psicopata como nos passa a imagem dada pelos sintomas guias do Hering. É bom lembrar que Hering só estava vivo até a publicação do segundo volume da sua enciclopédia. Será que ele teria deixado passar este erro se estivesse vivo ?

Nunca confirmei isto na minha clínica. Infelizmente tanto o texto da Enciclopédia do Allen, como o do Hering traduzem errado o sintoma 296 da Mat. Med. Pura. A frase em alemão fala de ruína e não "medo de morrer" ou de " perecer". Este é apenas um dos erros que atrapalha entender HEP. Para mim este é o sintoma mais importante para se compreender HEP. Com base neste sintoma mal traduzido o repertório registra "Medo de morrer", mas eles afirmam no consultório que não têm medo de morrer. A expressão em alemão não é medo de morrer ou de perecer, mas "arruinar ou ir ao solo".

Segundo o Dicionário do Aurélio : "Perecimento" significa também decadência, definhamento, extinção, destruição, extermínio, esgotamento, depauperamento, extenuação. "Perecer" significa também ser devastado, assolado. Todos estes sentidos têm muito a ver com ruína. Ruína significa desmoronamento, aniquilamento, perda de bens materiais ou morais, decadência material ou moral, queda, derrocada.

433 Ha – OS LINFONODOS AXILARES SUPURAM E SAI PUS.

527 Ha - EXTREMA FRAQUEZA, FOI IMPOSSIVEL FICAR ERETO SOBRE OS PÉS, SEM QUE ALGUÉM O SEGURASSE.

É importante utilizar os sintomas físicos para se compreender a dinâmica de um medicamento, assim como o tema central deve explicar os sintomas físicos.

531 Ha – QUEIMOR NAS SOLA DOS PÉS DE MANHÃ NA CAMA, ELE TEM QUE DESSCOBRÍ-LOS.

534 Ha – UMA SOLNOLÊNCIA MUITO GRANDE, IRRESISTÍVEL, AO ANOITECER. TEM QUE DEITAR IMEDIATAMENTE DEPOIS DO JANTAR E DOMIR ATÉ DE MANHÃ.

602 Ha – TRANSTORNO COMO SE O SEU ESTÔMAGO ESTIVESSE ESPOLIADO, ERUCATAÇÕES COM GOSTO DE COMIDA INDIGESTA, E SENTE ARRANHAR A GARGANTA COMO SE UMA PIROSE RANÇOSA ESTIVESSE COMEÇANDO.

629 Ha – CALAFRIOS AO AR LIVRE, UMA DESAGRADÁVEL SENSAÇÃO DOROROSA QUE AS PRESSIONA COMPLETAMENTE PARA BAIXO, TEM QUE ANDAR INCLINADO PARA A FRENTE.

Uma pessoa nestas condições está a ponto de tombar.


 

vet_e_cao_3.gif (3083 bytes)

construída e administrada por Maria Thereza Cera Galvão do Amaral
Criada em 1999. Revisado: novembro, 2014.

Licença Creative Commons
Portal de Homeopatia de maria thereza do amaral está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença
em http://www.mthamaral.com.br.