Portal de Homeopatia

 

 

 

ESTUDO PSICODINÂMICO DE ALOE SOCOTRINA

pelo Dr. Carlos Lima Melo

 

 

ALOE SE MOSTRA NA CLÍNICA COMO UM CONCILIADOR, UM MODERADOR, UM PACIFICADOR, QUE BUSCA A HARMONIA. VALE LEMBRAR QUE MANGANUM TAMBÉM BUSCA A RECONCILIAÇÃO, MAS PARA ISTO PREFERE MANTER O AMBIENTE EM PAZ, POIS RECONCILIAR É MUITO MAIS DIFÍCIL. NO OUTRO POLO ALOE REPELE AS VISITAS, OS OUTROS, CHEGANDO A TER MEDO DAS PESSOAS, COMO SE NÃO QUISESSE VIVER EM SOCIEDADE. ALOE SE CONFRATERNIZA COM TODOS NO OUTRO POLO. PODE SE SENTIR COMO SE ESTIVESSE SENTDO NUMA CADEIRA ALTA (UM TRONO – SÍMBOLO DE PODER), SE SENTINDO MELHOR DO QUE OS OUTROS, AUTOSUFICIENTE, VINGATIVO, NÃO SUPORTANDO QUALQUER OPOSIÇÃO, REPELINDO E ODIANDO A TODOS.

AINDA QUE ALOE SE PAREÇA MUITO COM PHOSPHORUS, ME PARECE COMO SE QUISESSE SÓ SE DOAR E NÃO RECEBER, SE MOSTRANDO AUTOSUFICIENTE, E NÃO COMO PHOSPHORUS, QUE QUER DAR E RECEBER.

ALOE NUM POLO TEM UMA VONTADE FORTE. QUANDO UM PACIENTE FALA EM PODER NA CLÍNICA LOGO NOS LEMBRAMOS DE LYC, MAS A CLÍNICA TEM MOSTRADO QUE O QUE O LYC PODE NECESSITA É DE FORÇA PARA CHEGAR AO SEU DESTINO E NÃO PODER PARA SE IMPOR AOS OUTROS. JÁ ALOE PARECE NECESSITAR DO PODER PARA FAZER VALER SEU IDEAL SOCIALISTA.

RECONCILED – RECONCILE = RECONCILIAR, HARMONIZAR, CONCILIAR.

FRATERNIZAR = UNIR COM AMIZADE ÍNTIMA, ESTREITA, FRATERNA, ALIAR-SE, FAZER CAUSA COMUM, COMUNGAR AS MESMAS IDÉIAS, PAZ, CONCÓRDIA.

 

Fraternize
(v. i.) To associate or hold fellowship as brothers, or as men of like occupation or character; to have brotherly feelings.
(v. t.) To bring into fellowship or brotherly sympathy.

Fraternization
(n.) The act of fraternizing or uniting as brothers.

 

A MEU VER O LADO MENTAL DE ALOE TEM SIDO POUCO EXPLORADO, COMO VEREMOS A SEGUIR.

 

BIPOLARIDADE DE ALOE

ODEIA PESSOAS, REPELE A TODOSFRATERNIZADO COM O MUNDO INTEIRO
AVERSÃO A SI MESMOCONTENTE CONSIGO MESMO
CRIANÇA CHORA PELA MENOR OPOSIÇÃOCRIANÇA BRINCA COM MAIS TRAVESSURAS
BRIGA COM QUEM O CONTRADIZRECONCILIADO (HARMONIZADO)
NÃO PODE PERMANECER EM NENHUM LUGARQUIETO, IMÓVEL, SERENO
A VIDA É UM PESO

SATISFEITO COM A VIDA

FALTA DE INCLINAÇÃO PARA TRABALHO MECÂNICO INCLINAÇÃO PARA TRABALHO MECÂNICO
O TRABALHO É TEDIOSO

TRABALHA RÁPIDO E BEM

EXAUSTO MAIS FORTE
DESANIMADOANIMADO E VIVAZ
INSATISFEITO, INFELIZALEGRE
PENSAMENTOS AMOROSOS SÃO ABORRECEDORESNOVIDADES ALEGRES
CANSAÇOGRANDE ATIVIDADE MENTAL
 AUTOSATISFAÇÃO
PENSAMENTOS SEM NEXO 
ZOMBA DOS OUTROS 
AVERSÃO A MÚSICA 
NÃO SUPORTA VISITAS 
ANTROPOFOBIA 
NADA PRENDE SUA ATENÇÃO 
VINGATIVO, NÃO SUPORTA OPOSIÇÃO 


ENCICLOPÉDIA DO ALLEN


SINTOMAS GUIAS DO HERING


ENCICLOPÉDIA DO ALLEN - SINTOMAS FÍSICOS


SINTOMAS GUIAS DO HERING –FÍSICOS


 

C A S O  C L Í N I C O:

Sexo masculino, 44 anos.

Tive dois processos alérgicos, fiz vacinas. Empolei andando no campo, o rosto deformou. Voltou quatro meses depois no campo, da mesma maneira. Foi diagnosticado urticária, estou tomando vacinas há um mês. Passei a sentir dor de cabeça, é suportável, pior com cerveja, vinho. Sinto pressão alta com sal. Crises de gargante que melhoram com alho e alcachofra em cápsulas. Transpiro muito. Jogava muito futebol, estou apático para atividade física. Dor nas costas, dor lombar ou dorsal que piora de manhã às 5 hs na cama. Melhora depois que levanto. Sou tenso por natureza. Fico um pouco trêmulo. O novo me deixa apreensivo. Tremo mais do lado esquerdo, um descontrole. Ácido úrico 9,0. Sou nervo, tento me controlar. Sou professor de direito e advogado. Sou inquieto, perfeccionista no sentido de não errar, procuro atingir o máximo de mim. Auto-punição por falhas que acontecem. Insegurança com o novo, mas procuro sempre enfrentar qualquer desafio, mas sofro, vem transpiração excessiva, angústia. No primeiro momento seguro, mas depois parto para assumir aquilo. Tenho um excesso de desconfiança na pessoa, que não está colocando a verdade do fato. Às vezes dizem que eu confio em excesso, mas acho que é o contrário. Por outro ladoquando acredito é piamente. Acho que é bom tomar uma cerveja, tenho um grupo restrito de maigos. Hoje estou preferindo ficar na roça, talvez fugindo da própria profissão. Acho bom lidar com criação, um excesso de zelo com os animais, isto me afastou muito do escritório. Gosto muito de ver TV, um bom filme da locadora. Tenho responsabilidade profissional, me dedico ao que me proponho. Estou envolvido na representação classista. Sou igual rádio velho, demoro para esquentar e depois funciono. Tensão nervosa com o grupo de alunos a cada início de ano, depois vem a convivência e vai se normalizando.

Infância : sempre tive medo reverencial a meu pai, muito rígido. Vivia mais em contato com a natureza, com os amigos. Era mais corajoso, mde dispus até a cantar em rádio. Fumei por um tempo. Repressões violentas dos pais, responsabilidade por ser o mais velho, mas zelo. Procuro fazer disto uma lição, se resolve pelo diálogo, e não pela pancada. Vingava-me nãio estudando. Larguei o quartel porque não me sentia bem com aquele sistema. Tinha medo de sangue. Gostava muito de história, português, filosofia. Vim a gostar do Direito depois de especializações. Gostava muito de futebol, pescar. Carinho muito grande com minha avó.

Mundo ideal : sem esta desigualdade social violenta, onde todos tivessem oportunidade para disputar um espaço. No Brasil o ser humano sofre muito, angustiado, tenso. Aqui há impunidade. Me dói muito uma criança não ter acesso a um brinquedo, não ter alimento. Quem está no poder só se volta para um pequeno grupo. Posso conviver com qualquer pessoa sem distinção. Sou extremamente fechado.

Como iria se sentir neste mundo ideal ? : mais tranqüilo, feliz, realizado, mais ser humano. Uma realização primeiro espiritual, ter uma consciência crítica, ter a frente a verdade, formas honestas de convivência, em segundo lugar material, não ver a fome, todos vivendo de uma forma qualitativa, teriam o mínimo para ter saúde, educação e alimentação.

Função neste mundo ideal : seria partícipe deste processo e estaria encaixado, nem em baixo nem em cima. Não tenho ambição por grandes fortunas, isto me levaria ao caos.

Saída deste mundo : frustração, mas lutaria para não entrar em desespero, em parafuso, eu lutaria.

Perda : todos os direitos que considero interessantes para o homem, seria um retrocesso de vida. Direitos, liberdade, propriedade, todos os direitos individuais conseguidos.

Motivo para sair : talvez sua própria ambição, desconhecimento de convivência coletiva, sede de poder. A forma totalitária da pessoa pensar.

Justificativa : talvez este ligado a própria natureza do ser humano por interesse econômico, que está ligado a sede do poder, a querer tudo para si ou para o grupo que o cerca.

Como se comporta numa discussão ? – Procuraria apartar se fossem amigos, tentando dissuadi-los mais no sentido de evitar uma agressão física.

Aloe 200 CH

Relaxamento, efeito imediato, estou mais solto.

 

Retorno

Estou me sentindo muito bem. Os problemas emocionais e a dor de cabeça acabaram. A urticária não voltou. Aquela angústia está sob controle. Melhorei da dor nas costas, mas ainda sinto um pouco. Acordo melhor da dor para andar, mudar de posição.


 

Por não ter encontrado ainda um mito que represente a idéia básica de Aloe, trago aqui fragmentos da vida e idéias do criador da língua artificial internacional esperanto, que a meu ver foi um dos bem feitores da humanidade que mais defendeu um sentimento de freternidade universal, como o que eu tenho visto nas pessoas que respondem com Aloe:
Fragmentos da vida de Zamenhof

O texto completo se encontra neste site

http://www.e-biografias.net/biografias/lazaro_zamenhof.php

 

 

vet_e_cao_3.gif (3083 bytes)

construída e administrada por Maria Thereza Cera Galvão do Amaral
Criada em 1999. Revisado: dezembro, 2017.

Licença Creative Commons
Portal de Homeopatia de maria thereza do amaral está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença
em http://www.mthamaral.com.br.