• Homeopatia • Acima • Pesquisa em Homeopatia • Veterinários • Sonhos • Eventos gerais • Contatos e informações • 

Portal de Homeopatia

 

Homeopatia • Matérias Médicas - O Medicamento • Matérias Médicas - Dr. Carlos Mello

 

 

Chamomilla

pelo Dr. Carlos Melo.

 

(Matricaria chamomilla)

Planta: Pertence à família das Compostas. Encontrada na Europa, norte da África, Ásia temperada e América do Norte e cresce nas margens dos caminhas em terreno seco e arenoso. Sua primeira germinação é de crescimento rápido, principalmente das folhas, brotos e flores, logo após alguns meses já ocorre a formação de novas sementes. Consegue-se duas safras por estação, talvez possamos associar seu crescimento à resposta exagerada, energia aos estímulos e falta de paciência. A sensibilidade da planta é sua característica maior, evidenciada por sua textura e forma de crescimento. Tintura feita do suco da fruta inteira colhida na floração.

Ação geral do medicamento:

Sobre os nervos sensitivos, causando hiperestesia excessiva com produção de dores incontroláveis e hipersensibilidade às dores.

As dores de Chamomilla não estão em aparência da intensidade com a gravidade dos casos.

Os indivíduos não suportam a dor por menor que seja e os ataques dolorosos podem terminar em desfalecimento.

Os sintomas chefes pertencem a esfera mental e emocional. Especialmente indicado nas enfermidades infantis, onde o mau-humor, inquietação e cólicas dão a indicação (Boericke).

A disposição calma, suave, gentil e constipação intestinal contra-indicam Chamomilla.

Não suporta a si mesmo, as pessoas, as dores, a cama (suas dores a tiram da cama).

 

Sintomas particulares:

Dores ciáticas, propriamente à esquerda.

Hipersensibilidade ao ar livre e vento – otalgias, odontalgias.

Calor nos pés com desejo de descobri-los de noite.

Transtornos da dentição – convulsões, vômitos, diarréia (como creme de espinafre ou ovos mexidos com cheiro de ovo podre).

Alterações circulatórias – uma bochecha está pálida e fria e a outra corada e quente – nas odontalgias.

Cólicas flatulentas – o doente está muito agoniado, inquieto.

Transtornos menstruais com cólicas, sangramentos após cólera.

Suores profusos nas partes cobertas, na cabeça durante o sono, na face ao comer ou beber.

 

Modalidades:

Agravação:

  • cólera
  • noite
  • calor (dentes e face); comida quente; cobrindo-se
  • ar livre; vento, ar frio, frio úmido, tomar frio
  • dentição
  • café
  • toque; ser olhado
  • transpiração suprimida
  • humor < antes e durante as regras
  • música

Melhora:

  • carregado
  • calor, tempo quente e úmido
  • quando no colo e andando de carro
  • transpirando
  • aplicações frias
  • caminhar > dores reumáticas

Casualidades:

  • dentição
  • cólera
  • indigestão
  • dores
  • abuso de Ópium ou Morfina (em crianças)

Horário:

À noite, de 21 às 24h


 

Referências Bibliográficas:

bulletAllen, T. F., "Encyclopedia of Pure Materia Medica", New York/Philadelphia, Boericke & Tafel, 1879.
bulletClarke, J. H., "Dicionário de Matéria Médica Homeopática", Vol. I, São Paulo, 1998.
bulletHahnemann, S., "Materia Medica Pura", translated by Tafel, Annotations by Hughes, Jain Publishing, 1986.
bulletHahnemann, S., "Chronic Diseases", translated by Tafel, Annotations by Hughes, Jain Publishing, 1986.
bulletHering, C., "Guiding Symptoms of Our Materia Medica", Philadelphia 1879-1891.
bulletKent, J. T., "Lectures on Homoeophathic Materia Medica", New Delhi, 1921.
bulletVijnosvsky, B., Tratado de Matéria Médica Homeopática, Vol. I, Rio de Janeiro, 1998.
bullet 


 

 

Abaixo • Homeopatia • Acima • Proxima

vet_e_cao_3.gif (3083 bytes)

construída e administrada por Maria Thereza Cera Galvão do Amaral
Criada em 1999. Revisado: dezembro, 2017.

Licença Creative Commons
Portal de Homeopatia de maria thereza do amaral está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença
em http://www.mthamaral.com.br.