Portal de Homeopatia

 

 

Portal de Homeopatia

 

 

 

Nota de Esclarecimento – Publicação da Revista The Lancet

 

 

Referente ao recente artigo publicado na revista The Lancet, amplamente divulgado na mídia, afirmando ter a Homeopatia eficiência igual ao placebo, cabe explicar o que segue:

 

Avaliar a Homeopatia utilizando os mesmos métodos que avaliam a Alopatia sempre demonstrará que a Homeopatia atua igual ao placebo. Isso todos os homeopatas o sabem, é o mesmo que um comentarista de futebol utilizar seu tipo de análise para comentar um jogo de beisebol.

 

O resultado igual ao placebo aparece porque a metodologia empregada pelos pesquisadores procura provar que determinados medicamentos atuam sobre determinadas doenças, esse é o objetivo da Alopatia, mas não o da Homeopatia. O objetivo da Homeopatia é, através de seus medicamentos, mobilizar o doente em direção à harmonia, com melhoria global e conseqüente desaparecimento das suas doenças. Dizemos que o medicamento mobiliza e o paciente reorganiza-se atingindo a cura.

 

É exatamente isso que os pesquisadores teimam em não compreender. Eles querem que a Homeopatia funcione igual à Alopatia e, como isso não ocorre, a cada seis meses aparece na imprensa mundial um trabalho que chega a essas conclusões errôneas. Vimos insistentemente explicando isso a eles e demonstrando através de casos clínicos acompanhados durante anos, que mostram a individualidade, que a metodologia a ser empregada para avaliar a Homeopatia é totalmente distinta. A Homeopatia está na contra-mão desse método. É diametralmente oposta.

 

A proposta de pesquisa homeopática para avaliação de casos clínicos é de individualizar cada doente, identificar os medicamentos mais adequados a ele, prescrever e acompanhar o doente por longo período (como em estudos de Coorte), pois ele deverá melhorar de forma integral, deverá melhorar como indivíduo e não apenas melhorar em uma doença em períodos curtos como querem esses pesquisadores.

 

Os trabalhos considerados de alta qualidade para a Alopatia são tidos como de baixa qualidade para a Homeopatia, e vice-versa. A Homeopatia trabalha com indivíduos únicos, ao passo que a Alopatia trabalha com grupos onde são excluídos os fatores que mostram a individualidade de cada um. Cada doente é igual apenas a ele mesmo.

 

Tomando a asma como exemplo, os pesquisadores querem que um determinado medicamento homeopático cure todas as asmas como eles procuram fazer com Alopatia, mas não é isso o que faz a Homeopatia. Para cada doente há um medicamento diferente, mesmo que todos exibam a mesma doença.

 

Esperamos que com o tempo os pesquisadores e gestores de saúde convençam-se dessa diferença e passem a analisar a Homeopatia dentro da sua episteme (similitude para a individualidade do doente respeitando o seu tempo para curar-se).

 

Ariovaldo Ribeiro Filho

Presidente da Associação Paulista de Homeopatia (APH)

aph@aph.org.br

 

Matheus Marim

Coordenador do Comitê de Pesquisa da Liga Medicorum Homoeopathica Internationalis (LMHI), interlocutora da Organização Mundial de Saúde (OMS)

mmarim@dglnet.com.br

vet_e_cao_3.gif (3083 bytes)

construída e administrada por Maria Thereza Cera Galvão do Amaral
Criada em 1999. Revisado: novembro, 2017.

Licença Creative Commons
Portal de Homeopatia de maria thereza do amaral está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença
em http://www.mthamaral.com.br.
 


 

vet_e_cao_3.gif (3083 bytes)

construída e administrada por Maria Thereza Cera Galvão do Amaral
Criada em 1999. Revisado: novembro, 2017.

Licença Creative Commons
Portal de Homeopatia de maria thereza do amaral está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença
em http://www.mthamaral.com.br.